quinta-feira, 16 de setembro de 2010

AMOR

Postado por Celeste Maria Cesar Galvão às 04:00

Blogagem Coletiva em comemoração aos 2 anos do 
Blog Meu cantinho de Cíntia Arruda Leite

Amor

A palavra amor (do latim amor) presta-se a múltiplos significados na Língua Portuguesa.

Pode significar afeição, compaixão, misericórdia, ou ainda, inclinação, atração, apetite, paixão, querer bem, satisfação, conquista, desejo, libido, etc.

O conceito mais popular de amor envolve, de modo geral, a formação de um vínculo emocional com alguém, ou com algum objeto que seja capaz de receber este comportamento amoroso e enviar os estímulos sensoriais e psicológicos necessários para a sua manutenção e motivação.

Fala-se do amor das mais diversas formas: amor físico, amor platônico, amor materno, amor a Deus, amor a vida. É o tipo de amor que tem relação com o caráter da própria pessoa e a motiva a amar (no sentido de querer bem e agir em prol).

De todas as definições de Amor, a que mais me chama a atenção é a que encontramos na Bíblia, na Carta de Paulo aos Coríntios:

 1 Coríntios 13

1- Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.
2- E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.
3- E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.
4- O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.
5- Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;
6- Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
7- Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
8- O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;
9- Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;
10- Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado.
11- Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.
12- Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.
13- Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.

Esta para mim é uma definição perfeita do que seja um amor incondicional, o amor verdadeiro...

 
E para encerrar, um vídeo muito interessante com Jô Soares contando de definições sobre o amor feitas por crianças em uma pesquisa de profissionais de educação e psicologia com um grupo de crianças de 4 a 8 anos. 

Vale a pena ver como as crianças às vezes entendem mais de AMOR do que nós os adultos:








Beijos e meus parabéns a você Cíntia e ao Meu cantinho por estes 2 anos de vida... 

Celeste Galvão

26 comentários:

Chica on 16 de setembro de 2010 07:55:00 BRT disse...

Linda mensagem nessa postagem carinhosa,sobre o amor. Parabéns à Cintia .Um beijo às duas,chica

Astrid Annabelle on 16 de setembro de 2010 07:58:00 BRT disse...

Bom dia Cê!
Hoje deu certo!!! Vou postar um comentário!!!rsss
Lindo o seu post sobre o amor! O texto é o mesmo da Cíntia e sem dúvida é lindo!
Tenha um dia repleto de amor e receba um beijo gostoso.
Astrid Annabelle

Paula Marina on 16 de setembro de 2010 09:09:00 BRT disse...

Oi Cê, este texto de corintios é perfeito porque establece o amor como uma força que nos move a uma vida com sentido e com ética, pois não é amor aquilo que ns faz ser incovenientes ou ter sentimentos egoístas, amor é justamente saber se doar, esperar, crer e acima de tudo alegrar-se com a verdade.
bjus e um bom dia

Tati Pastorello on 16 de setembro de 2010 09:10:00 BRT disse...

Oi Celeste,
Eu sou apaixonada por esta passagem. E amo a versão que Renato Russo criou, em seu Monte Castelo (uma de minhas músicas favoritas). Acredita que pensei em colocá-la na minha postagem! hehehe
O texto das crianças eu conhecia, como texto, recebi por e-mail. Mas adorei vê-lo contado pelo Jô. É lindo demais, né? Me deu uma ideia. Perguntarei hoje, ao Bê, o que é o amor. O que será que ele vai responder?
Beijos.

Tati Pastorello on 16 de setembro de 2010 09:12:00 BRT disse...

Cê, esqueci de falar. Primeiro, claro, agradecer a força. Estou entre os 10 mais voados!!! U-Hu!! Você faz parte disso. Muito, muito obrigada!
Agora já pode tirar o selinho (link), se quiser!
Um grande beijo com uma gratidão sem tamanho.

Beatriz on 16 de setembro de 2010 09:53:00 BRT disse...

Oi Cê,
Belo texto! Acredito mesmo que o amor move montanhas...
E o que dizer sobre as definições hilárias das crianças sobre o AMOR?
Simplesmente AMEI!!!
Beijos,
Bia
www.biaviagemambiental.blogspot.com

Nilce on 16 de setembro de 2010 10:48:00 BRT disse...

Oi, Cê, querida

Realmente essa passagem da Bíblia é a perfeita definição do Amor.
Adorei o seu post e as frases das crianças.rsrs
Parabéns à Cíntia e a você.

Bjs no coração!

Nilce

Cadinho RoCo on 16 de setembro de 2010 11:08:00 BRT disse...

Não dá pra definir o amor porque ele não se limita a nenhuma definição.
cadinho RoCo

ValériaC on 16 de setembro de 2010 11:58:00 BRT disse...

Cê querida, muito linda sua homenagem à nossa querida Cintia pelos 2 anos de aniversário de seu Blog...e viva o AMOR!!!
Beijinhos...
Valéria

Minéia Pacheco on 16 de setembro de 2010 13:46:00 BRT disse...

Olá Cê,

Que linda sua postagem... Me emocionei com o vídeo. As crianças realmente nos surpreendem cada vez mais!

Beijos e até mais...

Marliborges on 16 de setembro de 2010 14:39:00 BRT disse...

Querida Celeste,
A Carta aos Coríntios é autoexplicativa, ótima, perfeita. Trata da essência do amor, da qual tentei falar um pouquinho também, lá no meu post. E as crianças falando sobre o amor? Lindo, é que elas não têm preconceitos, não têm opinião formada sobre ninguém. Assim, o sentimento flui com sinceridade. Adorei tua abordagem sobre o amor. Bjsssssssss

Misturação - Ana Karla on 16 de setembro de 2010 15:39:00 BRT disse...

Cê, vim conferir esse amor aqui também, claro!!!
Está demais mesmo.
O amor está no ar.
Não consegui ver o vídeo do Jô.

Xeros

Lúcia Soares on 16 de setembro de 2010 17:04:00 BRT disse...

Cê, este texto de São Paulo é um dos mais lindos de toda a Bíblia.
Concordo plenamente.
Quando às definições de maor do Jô Soares, feitas por crianças de 4 a 8 anos, achei ótimas!
Adorei um menininho dizer que "amor é você oferecer a batatinha frita para a menina, sem esperar que ela lhe ofereça as dela" rsrsr Esse aí pode sofrer por amor, é muito "dado" rsrsrsr
Tomara que não, e que o amor na vida dele seja pleno.
Amei o post.
Beijo!

Nika on 16 de setembro de 2010 17:12:00 BRT disse...

Cê lindo post, adoro esse trecho da biblia , descreve com certeza o verdadeiro e incondicional amor, o video do Jô é ótimo também e não é que as vezes esses pequeninos sabem mais de amor do que agente.
bjs...

Manuela Freitas on 16 de setembro de 2010 19:10:00 BRT disse...

OLá querida Cê,
Muito boa tua postagem e já me fartei de rir com o Jô Soares, que aprecio bastante.
Muito amor na tua vida.
Beijinhos,
Manú

Valéria Russo on 16 de setembro de 2010 19:22:00 BRT disse...

CELESTE..
que lindo texto e que definições maravilhosas feitas pelas crianças , não??elas relamente são muito mais sábias do que nós.
parabéns a postagem ficou linda.
bjuivos no coração.
loba.

Bordados e Retalhos on 16 de setembro de 2010 21:08:00 BRT disse...

Esse foi a leitura lida no meu casamento há 21 anos atrás. Tenho especial carinho pela Palavra de Deus, esse texto de Paulo então, nem se fala. Bjs

Irene Moreira on 16 de setembro de 2010 21:36:00 BRT disse...


Tudo muito lindo. A definição de amor perfeita.O video do Jô com as declarações das crianças sobre o amor maravilhoso, sem palavras.

Belíssima participação.

Beijos com todo o meu carinho e amor

Irene Moreira on 16 de setembro de 2010 21:36:00 BRT disse...


Tudo muito lindo. A definição de amor perfeita.O video do Jô com as declarações das crianças sobre o amor maravilhoso, sem palavras.

Belíssima participação.

Beijos com todo o meu carinho e amor

Tati Pastorello on 16 de setembro de 2010 21:43:00 BRT disse...

Cê, perdoe. Eu escrevi a postagem com filhote me rondando, querendo (e merecendo) atenção. Só agora, depois de tê-lo posto para dormir, que vi como ficou o texto e percebi que faltavam os links. Acabei de corrigir!
Beijos.

diariodumapsi on 16 de setembro de 2010 22:54:00 BRT disse...

Oi Cê!
Coríntians 13 é um dos mais lindos poemas de amor, é sagrado!
Gd beijo

orvalho do ceu on 16 de setembro de 2010 23:23:00 BRT disse...

Oi, amiga Celeste
DEUS É AMOR...
Desculpe-me ter chegado tarde à festa, estou acamada mas não posso passar sem vir apreciar os convidados (e seus presentes) da Cíntia tão querida.
Que vc seja feliz, amada e abençoada!
Com AMOR fraterno,
BJS

Isadora on 16 de setembro de 2010 23:47:00 BRT disse...

Cê, a Carta aos Coríntios é um dos mais belos que li. O Amor em sua plenitude e sempre sublime.
Um beijo

Barbie Girl on 21 de setembro de 2010 13:23:00 BRT disse...

Celeste, estava mega enrolada por isso não vim aqui antes.
Hoje estou colocando a casa em ordem, rs

Amei sua blogagem coletiva, você captou a essência do amor verdadeiro, da paixão sem medir esforços, sem querer nada em troca. Que todas nós possamos viver esse amor!
Obrigada pela participação e por todo carinho!

beijinhos

Barbie Girl on 22 de setembro de 2010 09:44:00 BRT disse...

Celeste querida!

Obrigada! Já coloquei seu link e para sempre ficará comigo!!

beijos

Isabelle disse...

amei seu blog =) que tal fazermos uma parceria :S

da uma olhada ai :)
http://isabelleanghel.blogspot.com/

 

Cantinho da Cê Copyright © 2010 Template adaptado por Elis (Coisas de Lily)